segunda-feira, dezembro 28, 2015

O poder da mediocridade

Outro dia eu ví um texto que começava com: "Hitler, o pior ser humano da história...". O problema é que o Hitler não era um ser humano especialmente mal, diria até que ele era uma pessoa medianamente má, cheio de resentimento, inveja e ignorância.

O problema na Alemanha não foi colocar um péssimo ser humano no poder, mas sim, dar muito poder à um mediocre, um cara que pintava paredes, mas que poderia também ser um motorista de ônibus ou um ex-metalurgico. O problema não é tanto as más pessoas, mas sim o excesso de poder na mão do estado.