quarta-feira, abril 02, 2014

Tem que controlar o que essas pessoas pensam

Os alunos da São Francisco invadiram a aula do Prof. Eduardo Lobo Botelho Gualazzi porque ele escreveu um texto defendendo o Golpe de 64. Está certo, afinal, um professor da USP não pode defender qualquer ditadura, somente aquelas aprovadas pelo DCE, como de Cuba ou da Coreia do Norte. 

Acredito que deveria haver um monitoramento do que é dito nas universidades para evitar que a direita divulgue as suas idéias. Também seria necessária uma pessoa nas redações dos jornais para aprovar o que é divulgado, não queremos que mentiras, como o caso da Petrobrás, saiam na grande imprensa.

Por fim, o Prof. Gualazzi deveria ser deportado, nesse país nós não queremos pessoas que discordem do consenso, elas são muito perigosas.